Frentas define mobilização contra Reforma da Previdência

Evento ocorrerá no dia 1º de fevereiro

Nesta terça-feira, 16, a presidente em exercício, Lívia Tinôco, e o diretor de Assuntos Legislativos da ANPR, Vladimir Aras, participaram de reunião promovida pela Frente Associativa da Magistratura e do Ministério Público (Frentas). Na pauta, estava a Mobilização Contra a Reforma da Previdência e pela Valorização da Magistratura e do Ministério Público, que será promovida no dia 1º de fevereiro, em Brasília (DF), e questões ligadas ao auxílio-moradia.

O grupo estabeleceu um plano de ação e a logística que norteará a mobilização. São esperados membros de todo o Brasil para participar do evento na Câmara dos Deputados e em seguida no Supremo Tribunal Federal (STF). O propósito é levar à sociedade a preocupação das carreiras quanto à Reforma da Previdência.