ANPR lança documentário para celebrar o Dia Internacional da Mulher

Iniciativa faz parte do Projeto Memórias

A Associação Nacional dos Procuradores da República (ANPR) lança hoje, 8, documentário especial com histórias de mulheres que fazem parte do Ministério Público Federal (MPF), em comemoração ao Dia Internacional da Mulher. O projeto Memórias do MPF, de autoria da Diretoria Cultural da Associação, tem como objetivo mostrar, a partir de depoimentos, a participação e o impacto das mulheres do Ministério Público Federal.

No vídeo, 17 procuradoras da República falam sobre os principais desafios pessoais e profissionais. Participaram do documentário: a procuradora-Geral da República, Raquel Dodge; a diretora cultural da ANPR, Lívia Nascimento Tinôco; a subprocuradora-Geral da República aposentada, Dalva Bezerra de Almeida; as subprocuradoras-gerais da República, Débora Duprat, Ela Wiecko, Helenita Amélia Acioli, Julieta Elizabeth Fajardo, Luíza Cristina Frischeisen, Maria Caetana Cintra, Monica Nicida e Sandra Verônica Cureau; Ana Paula Montavani Siqueira, Isabela Groba e Janice Agostinho Ascari; e as procuradoras da República Ana Lúcia Hartmann, Zani Cajueiro e Ryanna Pala Veras.

A história de vida de cada uma das entrevistadas é única e imprescindível para contar a história do MPF. No documentário, elas falam da participação das mulheres no Combate à Corrupção, nas Forças-Tarefas, na Tutela Coletiva, na ANPR e na luta pelos poderes investigatórios do MPF. E, nos depoimentos, indicam o futuro das mulheres dentro do MPF, dando conselhos para as que desejam seguir a carreira. “O recorte fundamental do projeto é a participação das mulheres em cargos e números no MPF, como a participação delas na criação do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) e do Conselho Nacional de Justiça (CNJ)”, explica a diretora cultural da ANPR, a procuradora da República Lívia Nacimento Tinôco.

Assista o documentário na íntegra: www.anpr.org.br/memoriasdompf