No mês do índio, MPF realiza eventos em defesa dos direitos indígenas

A programação conta com simpósio, exposição fotográfica, roda de conversa e exibição de documentários

Em meio as celebrações do Dia do Índio, 19 de abril, a 6ª Câmara de Populações Indígenas e Comunidades Tradicionais (6CCR) do Ministério Público Federal (MPF) e a Escola Superior do Ministério Público da União (ESMPU) organizam eventos até 20 de abril. As programações discutem a importância da proteção e do fortalecimento dos direitos dos povos indígenas.

Na quarta-feira, 11, 6CCR segue a programação dos grupos de Trabalho e Planejamento Temático. O encontro reúne procuradores da República que se dedicam a questões de interesse estratégico do MPF e da 6CCR como educação, saúde indígena, quilombos, povos e comunidades tradicionais.

De 12 a 14 de abril, a ESMPU junto a 6CCR/MPF, a Universidade Católica de Brasília (UCB) e a Universidade de Brasília (UnB) realizam o simpósio Desafios e perspectivas sobre temas atuais dos direitos indígenas no Brasil. O encontro reunirá especialistas, representantes de estatais, de órgãos e de associações indígenas, estudantes, membros e servidores do MPU e demais interessados em debater temas relacionados à identidade, mobilidade, territórios, violência e outros. As atividades serão no Auditório Pedro Jorge I (ESMPU). Os interessados podem se inscrever no site: www.escola.mpu.mp.br. Para mais informações, acesse o edital  e a programação.

Durante o simpósio, os participantes poderão conferir a exposição fotográfica Identidade indígena no Brasil contemporâneo. A mostra com 15 fotografias do repórter fotográfico Leonardo Prado retrata o cotidiano de diversas etnias indígenas do Brasil. A exposição é gratuita e permanecerá na ESMPU até 20 de abril.

E, no dia 19 de abril, acontece no Memorial do MPF, às 10h, o lançamento do Memorial das Composições da Câmara de Populações Indígenas e Comunidades Tradicionais, que reunirá membros do MPF, representantes de sociedades indígenas e outros interessados. A solenidade terá rodas de conversas e exibição de documentários.