MPF e a proteção da Amazônia: acompanhe debate no dia 17 sobre defesa da cidadania

O terceiro capítulo da série O MPF e a proteção socioambiental da Amazônia, da Associação Nacional dos Procuradores da República (ANPR), terá como tema a "Defesa da Cidadania". O encontro reunirá membros do MPF e especialistas, na sexta-feira (17), a partir das 9h, com transmissão pela TV ANPR.

O objetivo do evento é permitir o diálogo de procuradores e procuradoras da República com a sociedade civil e a definição de entendimentos e estratégias de atuação na matéria. O evento é dividido em duas etapas. A primeira etapa consiste em painéis, transmitidos ao vivo pela TV ANPR. Já a segunda etapa, corresponde a debates entre os membros do MPF com convidados, em caráter fechado, pela plataforma Zoom. A inscrição para o segundo evento se restringe aos integrantes do MPF.

Participarão do debate do dia 17 o especialista em saúde indígena e professor da Universidade Federal do Amapá (Unifap) Alceu Karipuna; o vice-presidente da Hutukara Associação Yanomami (HAY), Dário Yawarioma; e a integrante da Associação Humaniza Rachel Geber. A moderação ficará a cargo do procurador da República Sadi Flores Machado e o debate será coordenado pela procuradora da República Bruna Menezes (inscrições pelo link https://bit.ly/amazoniacidadania).

Saiba mais sobre os participantes

Alceu Karipuna é indígena da etnia Karipuna do Amapá e médico. Em 2020, se tornou Fellow Sênior em Direitos Humanos junto a Povos Indígenas (Genebra, ONU), doutorando em Saúde Global e Sustentabilidade (USP), mestre em Sustentabilidade Junto a Povos e Territórios Tradicionais (UnB), professor do curso de Medicina da Unifap, especialista em Saúde Indígena (Unifesp) e fundador do Projeto Akari.

Rachel Geber é bióloga, mestra em Biotecnologia, especialista em gestão em saúde e aluna de pós-graduação em saúde coletiva. Ativista pelos direitos reprodutivos das mulheres e pela erradicação da violência obstétrica.

Dário Vitório Kopenawa Yanomami nasceu na Terra Indígena Yanomami (TIY), comunidade Watoriki, (Serra do Vento). Em 1995, começou a estudar na língua Yanomae e alfabetização. Em 1999, iniciou intercâmbio na Terra Indígena Wajãpim com os professores indígenas. Lecionou na comunidade Watoriki de 1999 a 2003. Em 2002, participou do encontro dos professores indígenas na Terra Indígena do Xingu. Entre 2004 e 2021, trabalhou na Hutukara Associação Yanomami. Em 2009, se formou no curso de Magistério Yarapiari Yanomami e formação dos professores Yanomami. Em 2015, se formou na Universidade Federal de Roraima, em Gestão Territorial Indígena.

Serviço
Webinário: O Ministério Público Federal e a proteção socioambiental da Amazônia: Defesa da Cidadania
Quando: 17 de Setembro, às 9h
Transmissão dos painéis: TV ANPR (www.youtube.com/anpr1973)
Inscrições para o debate: "Defesa da Cidadania" (https://bit.ly/amazoniacidadania)
Programação: Calendário


Imprimir   Email